Nesta terça-feira (7), uma nova lista foi divulgada, autorizando a saída de estrangeiros da Faixa de Gaza. Mais uma vez, nenhum brasileiro foi incluído na relação. Ao todo, o embaixador Alessandro Candeas informou que 605 pessoas com cidadanias de oito países serão autorizadas a deixar a região. O governo brasileiro espera a liberação que permitirá que 34 cidadãos brasileiros cruzem a fronteira entre Rafah e o Egito.

A fronteira permaneceu fechada por quase 2 dias, do domingo (5) à segunda-feira (6), após bombardeios israelenses atingirem ambulâncias em Gaza. Até então, quatro listas distintas haviam sido divulgadas, permitindo a saída de aproximadamente 2.240 pessoas, incluindo feridos, estrangeiros e portadores de dupla nacionalidade.

No entanto, na última sexta-feira (3), o chanceler israelense, Eli Cohen, comunicou ao seu homólogo brasileiro, Mauro Vieira, que todos os cidadãos deveriam deixar a Faixa de Gaza até a próxima quarta-feira (8), o que pode mudar a qualquer momento, já que os bombardeios israelenses continuam em Gaza.

Hasan Rabee, brasileiro que vive em Gaza, comemorou a abertura da fronteira em Rafah, em vídeo enviado para NINJA, e aguarda ser repatriado no Brasil. Um avião da Força Aérea Brasileira aguarda no Egito para trazer os brasileiros.

Leia mais:

https://midia.ninja/news/contra-o-genocidio-sociologo-palestino-apela-ao-brasil-para-romper-relacoes-com-israel/

https://midia.ninja/news/nao-ha-duvidas-de-crime-humanitario-nos-bombardeios-na-faixa-de-gaza-afirma-jamil-chade/