Estatueta do Oscar. Imagem: Divulgação

 

Por Maíra Figueiredo para a Cobertura Colaborativa Cine NINJA do Oscar 2023

No último domingo (12), foi realizada a 95ª edição do Oscar. A cerimônica aconteceu no teatro Dolby Theater, em Los Angeles, California. Foram homenageados os melhores trabalhos cinematográficos, fotografia, atrizes, atores, trilha sonora, roteiro, animação e melhor curta metragem.

Entre lives e coberturas online, o filme mais comentado foi “Tudo em Todo Lugar ao Mesmo Tempo”, grande vencedor da noite. O longa foi premiado nas principais categorias: melhor filme, direção e roteiro original (Daniel Kwan e Daniel Scheinert), atriz (Michelle Yeoh), montagem, ator e atriz coadjuvantes (Ke Huy Quan e Jamie Lee Curtis).

A noite foi brindada com a premiação da designer Ruth E. Carter, autora dos figurinos do filme Pantera Negra: Wakanda Para Sempre. Ruth foi a primeira mulher negra a receber duas estatuetas em todas as edições. Desde o fenômeno do filme Parasita (2019) do diretor Bong Joon-ho, muitos filmes de outras nacionalidades puderam participar das premiações. Foi o caso do indiano RRR (Revolta Rebelião Revolução) que venceu na categoria melhor canção original ⎯ onde concorreu com Rihanna e Lady Gaga. Muito filmes asiáticos foram indicados e premiados, mostrando que a Academy Awards está mais atenta às produções internacionais.

História do Oscar

Esse grande evento surgiu em 1929, quando era somente um jantar para convidados. O seu surgimento se deu com o movimento de expansão cinematográfico, pelo qual os longas metragens americanos passaram no século XX. A academia foi fundada em 1927, e nos dias atuais milhões de espectadores no mundo inteiro acompanham as transmissões pela TV e internet.

* Conteúdo produzido em Cobertura Colaborativa Cine NINJA do Oscar 2023.

https://midia.ninja/news/tudo-em-todo-o-lugar-ao-mesmo-tempo-e-o-grande-vencedor-do-oscar-2023-confira-os-premiados/

https://midia.ninja/news/nada-de-novo-no-front-lidera-premios-tecnicos-no-oscar-confira-os-demais-vencedores/